/ Prospecção

Qual a diferença entre e-mail marketing e cold email?

Entenda a diferença entre e-mail marketing e cold email e use a melhor estratégia para prospecção de vendas B2B.

E-mail marketing é uma prática bastante conhecida e propagada por agências de publicidade e marketing, dentre outras empresas. O e-mail marketing tem como intuito o relacionamento e a venda. Por conta disso, muitos acreditam que o e-mail marketing é a melhor ferramenta quando se trata de prospecção B2B.

Não por acaso, quando novas contas chegam aqui na Ramper, há um choque por parte dos novos clientes quando falamos sobre cold email - pois até então, e-mail marketing é o único tipo de e-mail que eles conhecem. Mas para usar a nossa plataforma de prospecção digital, o e-mail marketing não é bem-vindo, e não por ser ruim, apenas porque se trata de um tipo de mensagem com outros objetivos.

Entretanto, a grande dúvida da maioria das empresas que conversamos diariamente é: qual a diferença entre e-mail marketing e cold email.

O que é e-mail marketing?

O e-mail marketing nada mais é do que o uso do e-mail para fazer campanhas de relacionamento com clientes ou potenciais clientes, e também vender. Segue a premissa de segmentação de contatos e a automação de campanhas para ter um resultado mais efetivo.

Existem vários tipos de e-mail marketing como: newsletter, e-mail promocional, e-mail sazonal etc.

Geralmente, esses e-mails usam e abusam de uma paleta de cores vibrantes, imagens para ilustrar o conteúdo, vídeos, GIF’s, links, botões de call-to-action etc. Praticamente são peças criadas em softwares de edição de imagem para ter esse visual mais “robusto” do que o e-mail comum que enviamos no dia a dia.

O que é cold email?

O cold email é uma técnica que veio substituir a cold call (ligação fria). Enquanto a cold call é o primeiro contato através de uma ligação telefônica para um desconhecido, com o intuito de prospectar ou até vender. O cold email torna-se o primeiro contato com o prospect com o único e exclusivo intuito de prospectar, e caso haja interesse do outro lado, o contato se estende para uma ligação telefônica. A segmentação aqui também é fundamental para ser assertivo.

Porém, o erro que a maioria das empresas cometem ao fazer cold email, é usar das mesmas práticas do e-mail marketing: formatação, estética e linguagem na hora de prospectar.

Para quem abre esse cold email "fantasiado" de e-mail marketing fica com uma sensação de spam e até de achar o remetente intrusivo.

Diferenças entre e-mail marketing e cold email

O cold email serve para abrir uma janela de oportunidade, e assim, como costuamos falar por aqui “transformar um prospect loucamente ocupado em um curioso”. Em outras palavras, conseguir o contato do lead para de fato fazer a pré-qualificação e decidir se deve ou não ir adiante com o prospect.

Portanto, a sua mensagem deve ser o mais humana possível, citando a dor existente do nicho do prospect para criar abertura, e assim, ele responder positivamente. Bem diferente das peças de e-mail marketing que possuem um conteúdo mais “sensacionalista” para criar urgência e vender nessa etapa.

Um outro diferencial, é que o visual de um cold email é igual ao e-mail comum que você envia no dia a dia. Isto é, não terá mil e uma cores, fontes diferentes, código em HTML, imagens e qualquer outra formatação que não seja igual a original da caixa de e-mail.

Templates de e-mail marketing e cold email

Vamos ver na prática as diferenças entre o e-mail marketing e o cold email para que não haja dúvidas e assim, você consiga criar uma estratégia efetiva.

Templates de e-mail marketing

Airbnb

Este e-mail marketing tem como intuito dar as boas-vindas aos novos inscritos na plataforma. Por isso ele segue uma linha de orientação, para que o usuário complete informações para conseguir usar totalmente o site.

Aqui vemos todas as características que mencionamos anteriormente: cores vibrantes, HTML por trás e um layout totalmente diferente do e-mail padrão.

e-mail-marketing_cold-email1

Channel

Já nesse e-mail marketing da Chanel, é o lançamento da edição limitada do perfume Nº5 na época de fim de ano.

e-mail-marketing_cold-email5

Ramp Up News

Essa é a nossa newsletter (que aliás, se você ainda não é assinante, abaixo tem um formulário para se inscrever e começar a receber quinzenalmente).

Ela tem um visual bem semelhante ao cold email (que você verá mais abaixo), mas ainda assim, ela tem uma formatação fora do padrão da caixa de e-mail, como links, cores, negrito, itálico, uso de linha horizontal... Elementos que não são recomendados para um cold email.

ramp-up-news---ramper


Templates de cold email

Existem diversos templates de cold email, já que eles são com base nos dados de perfil de cliente ideal, dor, nicho, solução etc. Aqui, mostraremos templates de primeiro contato.

Primeiro contato 1

Este modelo pode ser usado para a primeira vez que você irá se conectar com o prospect. Como pode notar, ele é curto, objetivo e tem as mesmas características visuais de um e-mail que sai da sua caixa.

cold-email1

Primeiro contato 2

Já este é um segundo modelo para ser usado no primeiro contato. Note que ele é mais personalizado, já que conta com a menção de uma situação específica que aconteceu com o prospect.

cold-email-2

Primeiro contato 3

O assunto desse modelo chama bastante atenção pois já mostra a dor que o prospect está enfrentando. Tende a ter uma boa taxa de abertura.

cold-email-3

Todos esses templates de cold email podem ser baixados em nosso Guia Completo da Prospecção por Cold Email.

E-book Prospecção por cold email

Ficou claro a diferença entre e-mail marketing e cold email? Este conteúdo não tem a intenção de determinar o que é melhor, até porque não há melhor, e sim identificar o contexto a ser usado um ou outro.

Quando se trata de prospecção B2B, o cold email é a estratégia mais eficiente e que gera melhor resultado.

Ramp Up Tour
Qual a diferença entre e-mail marketing e cold email?
Compartilhar isso